ACHE AQUI O SEU PROFISSIONAL DE SA√öDE!
Médico Dentista Fisioterapeuta Nutricionista Fonoaudióloga Psicólogo Enfermeira Terapias Alternativas Personal Trainer Veterinário

Cadastro gratuito para os profissionais de saúde. Clique aqui.

  • Jornal Saúde e Lazer
  • Jornal Saúde e Lazer
  • Jornal Saúde e Lazer
  • Jornal Saúde e Lazer
  • Jornal Saúde e Lazer
  • Jornal Saúde e Lazer
  • Jornal Saúde e Lazer
  • Jornal Saúde e Lazer

Edição Impressa
Assine nossa newsletter:
cadastrar
Participe da nossa enquete:
Melhor região do Brasil para tirar as Férias?












votar
ver resultado


Saiba como evitar as dores no corpo que aumentam durante o inverno

28/07/2017 | Visualizações: 2636
Saude e lazer Saude e lazer Saude e lazer Saude e lazer Saude e lazer
Dê a sua nota:
Saude e lazer Saude e lazer Saude e lazer Saude e lazer Saude e lazer



Fisioterapeuta explica quais s√£o os tratamentos mais comuns e quais cuidados ajudam a evitar os inc√īmodos
Durante o inverno √© comum ver as pessoas cada vez mais encolhidas e com o corpo numa posi√ß√£o de ‚Äúfechamento‚ÄĚ, afim de se proteger do frio. Isso ocorre por uma defici√™ncia no suporte sangu√≠neo, causando queda no metabolismo, encurtamento das fibras musculares, limita√ß√£o articular e altera√ß√Ķes biomec√Ęnicas e posturais, dificultando certos movimentos do corpo. Todos esses fatores s√£o respons√°veis pelo aumento de dores, principalmente nas regi√Ķes lombar e cervical.
 
Patrícia Prieto, fisioterapeuta e proprietária da clínica Espaço Pathrícia Prieto, em São Paulo, explica que os tratamentos mais utilizados para o problema são as terapias posturais, a cinesioterapia além de massagens e acupuntura com moxas e ventosas, que melhoram a circulação do sangue e aceleram o metabolismo. Entretanto, existem também alguns cuidados tomados dentro de casa que são capazes de diminuir o desconforto e o aumento das dores.
 
‚Äú√Č importante fazer todo o poss√≠vel para manter o corpo aquecido, principalmente nas extremidades, evitando ao m√°ximo que nosso organismo sofra com as altera√ß√Ķes clim√°ticas e, consequentemente, posturais. Atividade f√≠sica e banhos com √°gua quente podem ajudar nessa quest√£o, mas tamb√©m √© importante evitar tomar golpes de ar frio‚ÄĚ, explica a profissional. Al√©m disso, Prieto afirma que o consumo de gengibre, pimenta e outros alimentos capazes de aquecer o corpo podem ajudar a manter a temperatura corporal.
 
Por mais que as dores possam acometer todos os tipos de pessoas, √© importante que pacientes com problemas nas articula√ß√Ķes, como artrites e artroses, tomem ainda mais cuidado j√° que no inverno essas inflama√ß√Ķes tendem a se agravar. Pacientes em per√≠odo p√≥s-operat√≥rio ou com patologias nevr√°lgicas e pessoas que estiveram gripadas recentemente tamb√©m podem sofrer com crises agudas de dores, j√° que a tosse e os resfriados exigem muito da musculatura da coluna.
 
Espaço Pathrícia Prieto

 
tags:






Comentários (0):


ANTES DE ESCREVER O SEU COMENTÁRIO, LEMBRE-SE:
Todo e qualquer comentário postado neste site é de exclusiva responsabilidade do autor. Comentários com conteúdos impróprios, obscenos ou que não tenham relação com o conteúdo serão excluídos. Dê a sua opinião com responsabilidade!
Comentários

Deixe o seu comentário:

Nome:


E-mail (não será publicado):


Mensagem:


enviar















Siga-nos nas Redes Sociais