ACHE AQUI O SEU PROFISSIONAL DE SA√öDE!
Médico Dentista Fisioterapeuta Nutricionista Fonoaudióloga Psicólogo Enfermeira Terapias Alternativas Personal Trainer Veterinário

Cadastro gratuito para os profissionais de saúde. Clique aqui.

  • Jornal Saúde e Lazer
  • Jornal Saúde e Lazer
  • Jornal Saúde e Lazer
  • Jornal Saúde e Lazer
  • Jornal Saúde e Lazer
  • Jornal Saúde e Lazer

Edição Impressa
Assine nossa newsletter:
cadastrar
Participe da nossa enquete:
Melhor região do Brasil para tirar as Férias?












votar
ver resultado


Infarto é a principal causa de morte entre as mulheres brasileiras

02/05/2018 | Visualizações: 200
Saude e lazer Saude e lazer Saude e lazer Saude e lazer Saude e lazer
Dê a sua nota:
Saude e lazer Saude e lazer Saude e lazer Saude e lazer Saude e lazer



O ataque card√≠aco mata mais que o c√Ęncer de mama e os sintomas, um pouco diferentes do que nos homens, dificultam o diagn√≥stico
Embora seja visto como uma doen√ßa masculina, o infarto vem crescendo entre as mulheres. H√° cinco d√©cadas, de cada 10 casos de infarto, um ocorria em mulher. Atualmente, a propor√ß√£o j√° √© de quase 50%.  Segundos dados da Organiza√ß√£o Mundial de Sa√ļde (OMS), um ter√ßo dos 360 mil √≥bitos registrados no Brasil, anualmente, em decorr√™ncia de doen√ßas cardiovasculares, tem como v√≠timas as mulheres.

O cardiologista e geriatra Neif Musse atribui o crescimento do infarto no p√ļblico feminino √† mudan√ßa no estilo de vida. ‚ÄúA maior inser√ß√£o das mulheres no mercado de trabalho trouxe a jornada dupla, aumento do estresse, do h√°bito de fumar, beber, e, consequentemente, dos fatores de risco para infarto, como hipertens√£o, obesidade, diabetes, ansiedade e depress√£o, al√©m da menopausa‚ÄĚ, detalha.

O especialista explica, ainda, que a idade √© fator de risco para as mulheres porque ap√≥s os 50 anos, com a chegada da menopausa, cai a produ√ß√£o de estrog√™nio, um dos respons√°veis pela dilata√ß√£o dos vasos e um protetor natural contra as doen√ßas do cora√ß√£o. Outra quest√£o √© que  os sintomas s√£o um pouco diferentes, mais brandos, e podem passar despercebidos pelas mulheres. ‚ÄúTer a sintomatologia mais discreta pode fazer com que ela demore para perceber a gravidade daquele quadro, identificando tardiamente o risco de infarto‚ÄĚ, alerta.

Enjoo, falta de ar, cansa√ßo inexplic√°vel, leve desconforto no peito e arritmia s√£o alguns dos sintomas at√≠picos  que podem aparecer nas mulheres, al√©m dos sinais cl√°ssicos de dor no peito com irradia√ß√£o para o bra√ßo esquerdo e pesco√ßo, n√°useas, v√īmitos, suor frio e desmaio. ‚ÄúA melhor forma de preven√ß√£o √© o check-up cardiol√≥gico a partir dos 35 ou 40 anos, principalmente se houver hist√≥rico familiar de doen√ßa cardiovascular ou fatores de riscos como hipertens√£o, obesidade, diabetes e tabagismo‚ÄĚ, aconselha Musse.

Outra medida essencial para evitar o infarto é adotar uma alimentação equilibrada, com frutas, verduras, legumes e carnes magras, além da prática de exercícios físicos.

SOBRE DR. NEIF MUSSE
Formado em Medicina pela Universidade Federal de Juiz de Fora, e mestre pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Neif Sathler Musse completou 33 anos de profiss√£o em 2017. Com especializa√ß√£o em cardiologia e geriatria e gerontologia, tem forte viv√™ncia em doc√™ncia m√©dica, sendo criador da "Escola de Aperfei√ßoamento M√©dico" e de um m√©todo diferenciado para o ensino de eletrocardiografia, que j√° capacitou mais de 15 mil profissionais de Sa√ļde no Brasil, a maioria deles nas √°reas de cardiologia, medicina intensiva, anestesiologia e cl√≠nica m√©dica.
Dentre os cursos ministrados pelo Dr. Neif est√£o em destaque: "Eletrocardiograma te√≥rico-pr√°tico", "Preparat√≥rio para plant√Ķes m√©dicos" e "Radiografias e tomografias do t√≥rax para os cl√≠nicos", que acontecem em Belo Horizonte, Juiz de Fora e Rio de Janeiro.  Al√©m das aulas, o m√©dico realiza atendimentos em consult√≥rios no Rio de Janeiro e Juiz de Fora e faz quest√£o de manter visitas regulares, em domic√≠lio, aos pacientes idosos, por acreditar na import√Ęncia da rela√ß√£o pr√≥xima entre o m√©dico e o paciente como fator decisivo no processo terap√™utico. A agenda se completa com plant√Ķes semanais em unidade cardiointensiva.
O m√©dico ainda divide o tempo com a produ√ß√£o de livros. Publicou "Casco vazio de ser humano - Cr√īnicas sobre a morte" e se prepara para mais dois lan√ßamentos: "Estou infartando. E agora?" e "O Pacto do futuro m√©dico".


 
tags:






Comentários (0):


ANTES DE ESCREVER O SEU COMENTÁRIO, LEMBRE-SE:
Todo e qualquer comentário postado neste site é de exclusiva responsabilidade do autor. Comentários com conteúdos impróprios, obscenos ou que não tenham relação com o conteúdo serão excluídos. Dê a sua opinião com responsabilidade!
Comentários

Deixe o seu comentário:

Nome:


E-mail (não será publicado):


Mensagem:


enviar















Siga-nos nas Redes Sociais